PT | EN | ES
workspace
QUEM SOMOS
SERVIÇOS
PROJECTOS
FERRAMENTAS
BOLSA DE EMPREGO
CONTACTOS

SERVIÇOS


A LMGE é uma empresa de Consultoria e Auditoria de Engenharia de Edifícios especializada nas seguintes áreas:

Gestão da Manutenção de Edifícios
  A Gestão da Manutenção em edifícios é hoje incontornável, não só por garantir a disponibilidade e longevidade dos equipamentos, o conhecimento dos custos e necessidades, o conforto e segurança dos seus ocupantes (sejam pessoas, sejam máquinas), como também pela necessidade, cada vez maior, de melhorar a eficiência energética dos diversos equipamentos e sistemas que aí operam. Relativamente aos sistemas energéticos de climatização, é inclusivamente obrigatória a sua implementação, ao abrigo do D.L. 79/2006 (RSECE), cuja responsabilidade será assumida pelo Técnico Responsável pelo Funcionamento (TRF). Algumas das tarefas que compreendem a actividade de Gestão da Manutenção são:
 
 - Elaboração de cadernos de encargos de manutenção;
 - Lançamento de concursos de empreitadas de manutenção;
 - Organização, acompanhamento e fiscalização das actividades de manutenção;
 - Implementação de ferramenta informática de suporte;
 - Elaboração de planeamentos de manutenção;
 - Gestão de ordens de trabalho;
 - Organização e arquivo de informação;
 - Gestão de stocks;
 - Gestão de consumos de energia e água;
 - etc.
  
Operação e Condução de Edifícios
  Assunção da responsabilidade pelo dia-a-dia de edifícios cuja criticidade de operação ou complexidade técnica seja relevante, garantindo:
 
- Operacionalidade e desempenho das instalações técnicas;
- Gestão de pedidos;
- Patamares de consumo optimizados;
- Acompanhamento à manutenção;
- Responsabilidade pela reacção imediata em caso de avaria ou anomalia de qualquer instalação;
- Contacto com entidades oficiais, entre outros. 
Projectos de Manutenção de Edifícios
  A existência de um Projecto de Manutenção (PM) bem organizado e estruturado é, não só um requisito para uma boa Gestão da Manutenção, como também obrigatória em sistemas energéticos de climatização, ao abrigo do D.L. 79/2006 (RSECE) que obriga todos os edifícios a terem um plano de manutenção preventiva. Entre outras, o PM deve ser constituído pelas seguintes partes:
 
 - Descrição do edifício (zonificação, levantamento de áreas, nomeadamente da área climatizada, identificação de centros de custos, etc.);
 - Inventariação de todos os equipamentos existentes e levantamento das suas características técnicas;
 - Definição de tarefas de manutenção, periodicidades de intervenção, categorias profissionais adequadas e tempos estimados de execução;
 - Memória descritiva (resumida) do funcionamento das instalações;
 - Livro de ocorrências;
 - etc.
  
Retail - Gestão Técnica de Pequenos Espaços
  Acompanhamos o ciclo de vida da sua Loja, garantindo continuamente as suas melhores condições de exploração... 
  
Com a prestação deste novo serviço, a LMGE pretende colmatar uma lacuna que identifica há vários anos no mercado e ampliar simultaneamente o seu espectro de intervenção, prestando um serviço de apoio técnico a lojas, agências, fracções e outros pequenos espaços desde a sua abertura ou remodelação, através da execução de projecto das diversas instalações técnicas (AVAC, Electricidade, Segurança, Águas e Esgotos), passando pela fiscalização da obra, continuando com acompanhamento dia-a-dia da sua operação (Gestão da Manutenção e Manutenção) e gestão energética.
 
No âmbito destes serviços incluem-se o Procurement, disponibilização de ferramentas informáticas de apoio com acesso WEB, emissão de reportings periódicos de acompanhamento de exploração (Controlo de custos), help-desk e melhoria da eficiência energética.

Este serviço estruturar-se-á em 3 módulos, que poderão ser disponibilizados independentemente uns dos outros:
 
    . Gestão da Manutenção + Manutenção Preventiva + Operação + Gestão Energética;
    .  Manutenção Correctiva + Help-desk;
    .  Projectos e Gestão de Obra.
  
TRF - Técnico Responsável pelo Funcionamento
  Dando resposta a exigência legal prescrita no Decreto-Lei 79/2006, de 4 de Abril (RSECE), e no mesmo âmbito dos serviços de Gestão da Manutenção já referidos acima, a LMGE disponibiliza aos seus clientes os serviços de um Técnico Responsável pelo bom Funcionamento dos sistemas energéticos de climatização (TRF).
 
Um Técnico Responsável pelo Funcionamento de um edifício de serviços está devidamente habilitado para assegurar o bom funcionamento dos sistemas energéticos de climatização, incluindo a sua manutenção e qualidade do ar interior, bem como pela gestão da respectiva informação, sendo responsável pela elaboração de um plano de manutenção preventiva.
  
Estes técnicos, para o exercício desta função, têm de apresentar qualificações mínimas exigidas por lei (Artigo 21º, número 6, DL 79/2006, de 4 de Abril).
  
Auditorias e Certificação Energética
  Certificamos o seu edifício!
 
Certificação energética de edifícios de serviços no âmbito do Sistema de Certificação Energética de Edifícios - SCE (D.L. 78/06). Este trabalho acarreta uma metodologia, devidamente descrita no RSECE (D.L. 79/06), que incide sobre três aspectos fundamentais – Energia, Qualidade do Ar Interior e Manutenção, cujas principais tarefas se descrevem seguidamente:

Energia: levantamentos e ensaios específicos com vista à caracterização energética do edifício (nomeadamente potências instaladas, horários de funcionamento, ocupação, …); simulações computacionais; avaliação da Classificação Energética dos Edifícios e da sua conformidade regulamentar; elaboração dos Planos de Racionalização Energética (PRE), de acordo com as necessidades e com os objectivos de classificação que vierem a ser definidos; re-avaliação da Classificação Energética dos Edifícios de acordo com as medidas efectivamente implementadas;

Qualidade do Ar Interior (QAI): avaliação da Qualidade do Ar Interior (nomeadamente de parâmetros como temperaturas, humidade, CO2, partículas em suspensão, etc.) e, caso necessário, elaboração de Plano de Acções Correctivas (PAC);

Manutenção: avaliação dos procedimentos de Operação, Gestão e Execução da Manutenção à luz do RSECE;

Caso se verifique a conformidade regulamentar em todos os pontos acima referidos proceder-se-á à Emissão do Certificado de Classificação Energética e da Qualidade do Ar, por Perito Qualificado.
 
Se pretende obter mais informação sobre o SCE pode visitar o site da Adene, que é a entidade responsável pela sua Gestão (www.adene.pt).
  
Auditorias Energéticas SGCIE
  O Decreto-Lei n.º 71/2008 de 15 de Abril regulamenta o Sistema de Gestão dos Consumos Intensivos de Energia (SGCIE). Este Sistema aplica-se às instalações consumidoras intensivas de energia com consumos superiores a 500 tep (toneladas equivalente de petróleo) num ano, instituído com o objectivo de promover a eficiência energética e monitorizar os consumos energéticos de instalações consumidoras intensivas de energia. 
  
A auditoria energética, no âmbito do SGCIE, contempla o levantamento detalhado de todos os aspectos relacionados com o uso da energia, com o objectivo de caracterizar energeticamente os diferentes equipamentos e sistemas na instalação consumidora intensiva de energia (incluindo o estabelecimento de correlações entre consumos de energia e produções e cálculo dos correspondentes consumos específicos de energia e de indicadores de eficiência energética global da instalação) e identificar medidas com viabilidade técnico-económica de modo a aumentar a eficiência energética e/ou a reduzir a factura energética associada às actividades da instalação em questão.

  
Auditorias Técnicas
  Estas auditorias pretendem avaliar, de forma aprofundada, as instalações técnicas cujo funcionamento se verificou ser deficiente. Alguns dos aspectos tipicamente avaliados são:
 
 - Operacionalidade dos equipamentos e das instalações técnicas;
 - Diagnóstico de avarias, estudo e desenvolvimento de soluções;
 - Avaliação do desempenho energético.
 
Dada a multidisciplinaridade da nossa equipa, temos capacidade para intervir em todos os sistemas existentes nos edifícios, nomeadamente:
 
 - Instalações de Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado (AVAC);
 - Instalações Eléctricas de Média Tensão;
 - Instalações Eléctricas de Baixa Tensão;
 - Grupos Electrogéneos de Emergência;
 - Unidades Ininterruptas de Alimentação (UPS);
 - Sistemas de Segurança - Electrónica (SADI, CO, CCTV, etc.);
 - Sistemas de Segurança – Extinção (Bombagem de Incêndios, Extinção Fixa, etc.);
 - Sistemas Electromecânicos;
 - etc.
  
Auditorias de Manutenção
  Estas auditorias pretendem simultaneamente apoiar gestores e directores de manutenção a planear custos de exploração e custos de investimentos em infraestruturas técnicas, num horizonte temporal definido:
 - Avaliação do estado físico dos equipamentos, condições de manutenção e manutibilidade;
 - Identificação de anomalias e estimativa de custos de reposição em “defeito zero”;
 - Apresentação de estimativas de custos de manutenção preventiva e correctiva;
 - Estimativa de custos e calendarização de substituição de equipamentos em fim de vida útil;
 - Avaliação das equipas de manutenção e do seu dimensionamento.
  
Project Management
  Garanta qualidade nas suas obras de remodelação, do princípio ao fim...
  
Project Management de remodelações de edifícios ou das suas instalações técnicas, acompanhando todas as fase do processo e assumindo a responsabilidade por:
   
 .            Projecto
 .            Procurement
 .            Supervisão
 .            Comissionamento 
  
Due Diligences
  Quer comprar ou vender um edifício?
  
Avaliações sobre o estado do património edificado (nas áreas de construção civil e instalações técnicas), compreendendo análise sobre a documentação existente e inspecção física de todas as componentes dos edifícios. Identificação de anomalias, elaboração de respectivas estimativas de custo de reparação, recuperação ou correcção, definição de graus de prioridade, entre outros.
  
Consultoria de Manutenção em Edifícios
  Na fase de projecto, apoio na definição das condições de manutibilidade de equipamentos, necessidades de acesso, associação de unidades de manutenção e sua localização preferencial, estruturação de sistemas de gestão da manutenção a implementar, estimativa de custos.
  
Na fase de exploração, análise da organização da manutenção, da estrutura e do dimensionamento das equipas de gestão e de manutenção, circuitos de informação e comunicação. Apresentação de soluções optimizadas de planeamento, adequação de tarefas, definição de rotinas, entre outros.
QAI - Qualidade do Ar Interior
  Os sistemas de climatização devem assegurar uma boa qualidade do ar interior, isento de riscos para a saúde pública e potenciador do conforto e da produtividade.
 
Neste sentido, o DL 78/2006 (SCE) exige a intervenção de meios humanos qualificados e independentes na avaliação da qualidade do ar interior dos edifícios, devendo as inspecções a realizar no âmbito da certificação energética integrar, também, a componente de Qualidade do Ar Interior.
 
A LMGE passou a dispor internamente dos meios técnicos e humanos (peritos qualificados) adequados à realização desta missão, assegurando, por via da complementaridade/integração com os Serviços de Certificação Energética prestados, uma maior celeridade de processos e um menor custo para o cliente.Estes serviços podem ser prestados de forma independente e avulsa, podendo não ser relacionados com as exigências do Sistema de Certificação Energética.
  
TREIE - Técnico Responsável pela Exploração das Instalações Eléctricas
  O Decreto Regulamentar 31/83, de 18 de Abril fixa as condições de exigibilidade de intervenção de Técnico Responsável pela Exploração de Instalações Eléctricas (TREIE) em edifícios.
  
A LMGE disponibiliza aos seus clientes os serviços de um responsável devidamente habilitado para a inspecção da instalação eléctrica com a frequência exigida pelas características da exploração, a fim de proceder às verificações, ensaios e medições regulamentares.
  
Termografia
  A termografia desempenha hoje um papel fundamental na área de manutenção preventiva de edifícios: A análise termográfica de um edifício permite, de forma não intrusiva, detectar problemas tão diversos como falta de isolamento térmico em fachadas e coberturas, infiltrações em paredes e coberturas, roturas em tanques, depósitos ou canalizações de água e em sistemas de ar condicionado. 
  
A LMGE dispõe actualmente da tecnologia que, conjuntamente com a qualificação dos seus técnicos, permite ao cliente que recorra a este serviço mitigar de forma simples e com assinalável eficácia muitos dos problemas comuns na manutenção de edifícios.
  
Facility Management
  Pretendemos ser o seu representante no edifício…
  
Assunção de responsabilidade pelo controlo geral de serviços de suporte à actividade base das entidades residentes nos edifícios, garantindo gestão optimizada e controlo orçamental, abrangendo um leque alargado de serviços (manutenção, segurança, limpeza, jardinagem, desinfestação, meios de emergência, gestão de estacionamentos, vending, entre outros), através da integração de pessoas, espaços, processos e tecnologia.
  
ESCO (Energy Services Company)
  Poupe dinheiro, poupando o ambiente...
 
Inserido na sua área de conhecimento por excelência - o desempenho energético dos edifícios e o estudo e aplicação de medidas para a sua optimização, em especial no domínio das utilities - o negócio ESCO constitui-se como um passo natural no desenvolvimento da actividade da LMGE.
  
As Empresas de Serviços de Energia, também designadas de empresas ESCO (Energy Services Company), fornecem serviços energéticos e/ou outras medidas de melhoria da eficiência energética nas instalações de um utilizador, baseando a sua remuneração na melhoria da eficiência energética e na satisfação de outros critérios de desempenho acordados, sendo assim a retoma do investimento e a remuneração dos serviços feita com base nos custos de energia evitados.
  
A LMGE intervém ainda neste segmento como perita em Medição e Verificação, actuando como entidade externa de apoio aos intervenientes em contratos ESCO, designadamente prestando consultoria técnica e financeira sobre a rentabilidade e viabilidade do serviço energético proposto, definição e/ou coordenação da implementação de medidas de melhoria de eficiência energética, supervisão ou validação da monitorização dos consumos de energia e medidas implementadas e realização de operações de medição e verificação das economias de energia alcançadas e/ou cálculo dos custos efectivos evitados.
  
Na LMGE, o negócio ESCO emerge das competências internas da empresa.


A LMGE desenvolve soluções à medida das necessidades dos seus clientes garantindo sempre processos de análise, desenvolvimento de soluções e acompanhamento na implementação.
  
Para informação mais específica sobre alguma das áreas submeta o seu pedido: 

Nome
Email
Assunto
 

 
   
  © LMGE 07   design Brand Image